X Jornada CELPCYRO

img banner

Informe CELPCYRO

Cadastre-se e receba nosso INFORME
Nome
E-mail*
Área de Atuação

Redes Sociais

  • Twitter
  • Windows Live
  • Facebook
  • MySpace
  • deli.cio.us
  • Digg
  • Yahoo! Bookmarks



 JUNHO DE 2017


banner 20anos ok 2

 

PROJETO EM COMEMORAÇÃO AOS 20 ANOS DE TRABALHO ININTERRUPTO,

COM E A PARTIR DA OBRA DE CYRO MARTINS (1908-1995)

Do final do século passado a nossos dias evidencia-se a ruptura com parâmetros nas atividades humanas em geral. Ampliam-se fantasticamente os horizontes dos conhecimentos em todas as áreas, multiplicam-se suas abordagens, a possibilidade de informação parece infinita. Saberes e fazeres se entrecruzam, sinalizando quão pouco ficou do que era antes. A perda de um senso de permanência excita as mentes ousadas e desestabiliza as acomodadas. Não à toa a capacidade de resiliência passa a ser tão valorizada. As mutações aceleram, desafiando o já sabido; afrontam mesmo mentalidades mais abertas. Estará o mundo em que vivemos passando por transformações inevitáveis e radicais?

Antes de analisar e avaliar esse quadro, parece mais acertado guiarmo-nos por indicações de Cyro Martins que, às vésperas do séc XXI, com mais de 80 anos, não hesitava em dizer que a vida segue e “é nosso o nosso destino”; temos que conduzi-lo em face das vicissitudes e das benesses que a vida apresenta, sendo “realistas esperançosos”, sem perder perspectivas.

Com essa visão como guia, nossa proposta é realizar, no decorrer de 2017, atividades/eventos tendo em mente transformações dessas duas últimas décadas, a partir de quatro eixos temáticos. Tais eixos, necessariamente, se tangenciam ou se entrecruzam, enquanto contemplam as principais linhas de interesse e atuação do CELPCYRO. Assim, tanto quanto possível, pretendemos atualizar cada tema, com a colaboração de especialistas, e situar a obra de Cyro Martins em face das perspectivas apresentadas:

  • DESAFIOS À CRIAÇÃO LITERÁRIA - Linguagem, temática, estrutura narrativa em transformação.

  • PRINCIPAIS AVANÇOS NA ÁREA PSI - Contribuições da Neurociência para a Psiquiatria e a Psicanálise

  • HUMANISMO NA CIÊNCIA E NA SOCIEDADE - Vicissitudes da humanidade X risco de nos tornarmos insensíveis X realismo esperançoso

  • INTERAÇÃO DAS ARTES E CULTURAS - Linguagens se iluminam mutuamente sem perder suas características intrínsecas; criadores e apreciadores das artes e da cultura estariam em crise?
Maria Helena Martins

***********

VEJA ARQUIVOS DE EVENTOS COMEMORATIVOS DO CELPCYRO 20 ANOS JÁ REALIZADOS 

                                                                                                                                                                             

EVENTO RECÉM REALIZADO

XIV Jornada CELPCYRO sobre Saúde Mental & III Simpósio CCYM  -  30 de junho de 2017 - Hotel Laghetto - Porto Alegre - das 8h30 às 17h30    
Tema: Ciência e Criatividade na Clínica Psiquiátrica e Psicoterápica                            

alt

alt

Jornada e Simpósio também comemorando CELPCYRO 20 ANOS

VEJA A PROGRAMAÇÃO 

Os modelos assistenciais das diversas psicopatologias se aprimoram com o desenvolvimento das evidências científicas, mas os médicos são desafiados constantemente à aplicação desses cuidados aos seus pacientes.

A XIV Jornada CELPCYRO sobre Saúde Mental & III Simpósio CCYM se propõem a apresentar painéis e conferências que auxiliem na integração do processo científico e criativo nas condutas terapêuticas.

Estamos muito satisfeitos em prosseguir, pelo décimo quarto ano consecutivo, enfatizando o ensino continuado, com a colaboração  de colegas experientes e qualificados. Esperamos que  venham compartilhar mais este evento, num ambiente de congraçamento científico.

Dr. Cláudio Meneghello Martins
Presidente da XIV Jornada CELPCYRO & III Simpósio CCYM

===================

PRÓXIMO EVENTO

Colóquio Desafios à Criação Literária Hoje 

04 de agosto - das 17h00  às 19h00 - Santander Cultural - Porto Alegre

Escritores Convidados

Três novos talentos garantindo a qualidade da ficção sul-rio-grandense:

José Francisco Botelho - Rafael Bán Jacobsen - Gustavo Czekster

Mediadora: Léa Masina

Em breve divulgaremos detalhes desse Colóquio.

                                                                                                                                                                                         ============================

FORTUNA CRÍTICA

José Francisco Botelho - "Os filhos do campo doce-amargo"

Refletindo – num  belo texto  - sobre  os “filhos da solidão”, os “gaúchos noturnos”, como os de Cyro Martins, o autor observa que  toda a trilogia do gaúcho a pé  trata “dos estertores de um mundo; e isso nos faz contemplar esse mundo injusto e brutal sob uma luz melancólica, talvez enganadora, porém de inegável efeito sobre aquele nosso lado que deseja tudo o que passou e tudo o que jamais voltará”. (MHM)

José Francisco Botelho tem seus textos publicados em várias seções do CELPCYRO, dentre outras,  Coluna CELPCYROEscritores Gaúchos.



===================

ALÉM DA LETRA 

Acontecências
Fotografia estranhando o óbvio - sobre a arte de Paulo D'Alessandro

alt
Cena (2002), de Paulo D’Alessandro ( Pinacoteca do Estado- São Paulo)*

Nada é novo e tudo é diferente.   Estou diante de uma Cena cinematográfica.  Um instantâneo em movimento – as figuras seguem seu curso independentes de meu olhar. Só mesmo no cinema isso acontece: um plano geral em que cada figura “em seu lugar” faz alguma coisa  sob o mando de um diretor. Mas não se trata de cinema: é fotografia. Não houve nem um “gravando!”, nem um “corta!” alertando essas pessoas sobre o filme em processo. O instante aconteceu sob o olhar do fotógrafo? Ou o fotógrafo – surpreso? expectante? preciso? “sem querer”?  - captou o instante em que as tantas figuras da cena parecem ensaiar a Cena em que não há dois olhares focando na mesma direção? (MHM). SAIBA MAIS.

* Antilogias: O Fotográfico na Pinacoteca
Pinacoteca de São Paulo - Praça da Luz, 2 
Até 07 de agosto  -   pinacoteca.org.br
** Veja fotografias de autoria de Paulo D’Alessandro e comentários a respeito em  Leitura impressionista de fotografia calemburista  e  Velhos sem velhice .